00 de 00 de 0000 | Fonte: Veja.com

Zezé Di Camargo: ‘Sou real demais para o mundo virtual’

O cantor, cuja dupla com o irmão Luciano completa 25 anos de carreira, critica o sertanejo atual e comenta os barracos públicos em que tem se envolvido.

Mirosmar José de Camargo, o Zezé Di Camargo, é um fenômeno. Sua dupla com o irmão Luciano vendeu mais de 40 milhões de discos em 25 anos de carreira — uma marca que em sua gravadora, a Sony, é superada apenas por Roberto Carlos. O cantor é bom de briga: já se envolveu em celeumas com sites de fofoca e teve um embate muito público com a ex­-mulher Zilu, com quem foi casado por mais de três décadas. Em VEJA desta semana, ele fala sobre música e da vida pessoal. Na entrevista, dá sua opinião sobre o mercado sertanejo (“Se você puser dez artistas novos para eu escutar, aposto que serei incapaz de definir quem é quem, ou quem cantou o quê”), as encrencas em que vem se metendo nas redes sociais (“Sou real demais para o mundo virtual“) e a relação com Zilu (“Se eu não tivesse o talento para cantar e compor, a gente estaria até hoje arranhando a barriga do tatu. No fim das contas, eu a livrei de uma fria: o cara com quem a Zilu terminou o noivado para ficar comigo hoje em dia vende coxinha em Goiânia”).