25 de OUTUBRO de 2017 | Fonte: Assessoria de Imprensa Prefeitura

Naviraí desponta em 4º lugar na geração de empregos no mês de agosto

Casa do Trabalhador de Naviraí

A instabilidade econômica no país, que tem afetado as contas públicas desde meados de 2014, fez o Brasil atingir níveis recordes de desemprego. O assunto "crise" está na boca e na cabeça dos brasileiros, e não é difícil encontrar alguém que tema perder seu emprego durante este período de instabilidade financeira. Ao efetuar um levantamento do número de empregos gerados e cortados em cada município brasileiro, no mês de agosto de 2017, o CAGED revelou queem Mato Grossodo Sul 10 municípios apresentaram o fluxo oposto e mais, abriram novas oportunidades de trabalho do que demitiram pessoas.

 

Em Naviraí, vemos o desempenho do comércio e serviços gerando vagas com a recuperação do mercado de trabalho. A indústria também deve mostrar alguma recuperação ao longo do ano. A melhora efetiva acredita-se, só deve ocorrer em 2018.

 

Naviraí classificou-se em 4º lugar no ranking na geração de empregos no mês de agosto de 2017. Os dados são do Cadastro Geral de Empregados e Desempregados (CAGED), com a abertura de 69 novas vagas no município.

 

A responsável pela Casa do Trabalho Estela Rose Cabral em Naviraí comenta que apesar do resultado modesto, a retomada do mercado de trabalho deverá ocorrer com a perspectiva da JBS e da Usina de Álcool ter seus processos de produção aumentados e, consequentemente, a contratação de mais empregados.

 

Afora Naviraí, a tendência positiva no mês de agostoem Mato Grossodo Sul, foi contemplada pelas cidades de Campo Grande com 415 vagas, Dourados com 137, Paranaíba, com 84, Maracaju com 64, Aquidauana com 23, Sidrolândia com 23 e Nova Andradina com 21.

 

O Prefeito Izauri, ressaltou que Naviraí é destaque no Estado na geração de empregos, por ter uma política que valoriza a atração de novas empresas e de valorização das já instalados no município. Um trabalho muito forte está sendo desenvolvido através da Gerência de Desenvolvimento Econômico, no sentido de atrair novos empreendedores e fomentando as empresas que aqui existem.

 

“Sempre tivemos como meta valorizar as empresas que estão instaladas no nosso município, entretanto criamos também mecanismos que incentivam a instalação de novas empresas. Isso tem feito com que tivéssemos um resultado positivo, apesar da situação econômica instalada no País”, destacou o chefe do executivo naviraiense.