Após extinção de fogo em elevador, loja ficará fechada por tempo indeterminado

Curto-circuito no elevador foi a causa do princípio de incêndio hoje, na Riachuelo da Rua 14 de Julho.

Por Expressão Naviraí em 09/07/2024 às 13:30:55

Curto-circuito no elevador foi a causa do princípio de incêndio hoje, na Riachuelo da Rua 14 de Julho. Os bombeiros levaram 1 hora para extinguir as chamas. Agora, a loja ficará fechada, por tempo indeterminado, até que se faça avaliação do sistema elétrico. O Corpo de Bombeiros recebeu chamado às 10h20 do incêndio. Na loja, o alarme havia disparado e os funcionários fizeram a retirada dos clientes e iniciaram o combate às chamas, com extintores. Segundo o tenente Wellington Gomes, o fogo começou na caixa do elevador, que estava no subsolo e não no piso superior. As chamas atingiram partes do equipamento feitas de borracha. Um bombeiro teve que entrar em parte estreita, para acessar o fosso e combater as chamas. "Tivemos muita fumaça, tivemos que cortar algumas partes da borracha e é plausível que a loja se mantenha fechada até que se proceda a limpeza, a avaliação da parte elétrica e manutenção do elevador", disse Gomes. A contenção do fogo foi feita com extintores de pó químico e água e, segundo Gomes, a ação dos funcionários, que fizeram o primeiro combate às chamas foi essencial para evitar que o fogo se propagasse. "Se não tivessem agido rápido, o fogo teria consumido boa parte da loja, por conta dos tecidos". Por conta das viaturas na frente da loja, a Rua 14 de Julho ficou interditada entre Avenida Afonso Pena e Rua Barão do Rio Branco. Há pouco, a via foi liberada para trânsito, permanecendo interdição na calçada, em frente da fachada da Riachuelo. O gerente, que não quis se identificar, informou ao Campo Grande News que a loja permanecerá fechada. Receba as principais notícias do Estado pelo Whats. Clique aqui para acessar o canal do Campo Grande News e siga nossas redes sociais .

Fonte: CGNEWS

Comunicar erro

Comentários